Diogo Poças

Diogo-Pocas

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.

Por ter total liberdade em escrever minhas impressões pessoais nesta plataforma, posso afirmar : Imune, de Diogo Poças, é um dos álbuns mais completos que já escutei, e que pude ter o privilégio em lançar na musicoteca! As músicas vinham de forma homeopática, e com elas, impressões pessoais do próprio Diogo: “Esta é uma música mais feminina, Sílvia”, “Esta eu fiz pensando em cantar com minha Irmã”, “Eu aposto nessa!”. Como gosto desta interação, guardava cada palavra num pequeno “journal” meu. Tudo levou um certo tempo: Quase dois anos. Não havia pressa alguma em seu processo criativo. Um álbum para lenta degustação.

Com Produção de Leo Mendes e participação mais que especial do mestre Edgar Poças, Imune quer aproximar mais o artista do seu público: O álbum é despretencioso e orgânico; porém com características marcantes: Paixão, entrega, gratidão e uma profunda declaração de amor à filha Nina, a quem Diogo dedica o álbum e leva o nome de uma das faixas, escrita pelo maestro Edgard Poças. Também, nada mais natural que um álbum com tantos sentimentos viscerais, que misture sua arte à sua vida. Diogo trouxe assim, amigos para junto de seu segundo álbum e os artistas envolvidos, de alguma forma, são próximos. A amiga Luísa Maita compôs “Folia” com Daniel Taubkin e a canta junto com Diogo, além da participação de sua irmã, Céu.

Estar Imune, blindado, realmente é algo que não podemos ter domínio. Vai além do nosso esforço, racionalidade, e Diogo imprime bem essas forças em cada canção: “Ame ternamente, tão quão simplesmente saliva-se ao sabor da paixão”, ou “Pra acontecer, para ser amor tem que viver, amar”. Obra de profunda linguagem refinada, Imune é lançado hoje com muito esmero na musicoteca. Passa um filme em minha cabeça. Da primeira à última música que chegou. Ele disse que queria estar próximo do público. Impossível não estar próximo da obra musical de Diogo Poças. Impossível estar imune. Então, baixe, ouça e compartilhe agora mesmo. É uma obra livre. E a arte agradece…

Dia 30 de março tem show de lançamento do disco no Auditório Ibirapuera com participação especial de Céu em São Paulo! Saiba mais sobre o show aqui!

Saiba mais:
Facebook do Diogo Poças
twitter do @DiogoPocas
iTunes do Diogo Poças
Sobre a Brasuca Produções
Sobre o Plug.in e Favelinha Records

Imune – 2014
Imune - 2014
1. O perdão
2. Imune
3. Mais um lamento
4. Pra ser amor
5. Dizem por aí
6. Senhora Rainha
7. Folia
8. Feitiço da Vila Madalena
9. Nina

http://www.amusicoteca.com.br/wp-content/plugins/downloads-manager/img/icons/default.png Download: Diogo Poças - Imune - 2014
Adicionado: 18/03/2014
Baixado: 10798 vezes
Aviso: Todas as obras disponibilizadas e distribuidas neste site são gratuitas e autorizadas por seus autores.

Siricutico

Siricutico

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.

Música para grandes corações.
É assim que aconteceu com o quarteto curitibano Siricutico: um encontro de exagerados corações que aplicam a disciplina do bagunçar em mão dupla, tornando o ato de socialização da arte entre diferentes gerações na mais forte transgressão para novos grandes corações.

Formado pelos animados artistas Mariana Ribeiro, Isadora Flores, Marcel Cruz e Marc Olaf (também do Trombone de Frutas), que assina a sua primeira produção musical e também os arranjos do inicial álbum homônimo do quarteto, o grupo vem conquistando seu público desde 2011, quando foram convidados para uma apresentação no Bicicletário Livre. É óbvio que esse convite não aconteceu por acaso, alguém visionou a confusão necessária que esses quatro inquietos eram capazes de aprontar com um pouco mais de tempo para as brincadeiras e seus brinquedos da vida e da imaginação.

O disco parece de gente grande. E é! Também parece infanto. E é! Parece astuto. E é! Parece de nosso ontem, ou pode ser o nosso hoje. E se nenhum dos dois confluírem, podem, quem sabe, ser o nosso novo amanhã. A musicalidade que nasce para todos, “quase” sempre cai para o lado da insuficiência perceptiva de mais camadas de informações aplicadas na estrutura das canções. Um exemplo é a maior e mais fácil popularização de hits sem sugestividade à descobertas e amplitude de suas reflexões. Muito diferente da didática artística natural de cada um concebida para sua essência. Foi neste momento que optaram então em fazer musica pesada para pais, filhos, sobrinhos, cachorros e amigos, sem pedir silêncio para ganhar a atenção. Siricutico é feito de inúmeras cores, encaixes, sons, gritos e sustos que unem a poética da memória afetiva à sua expressão construída no palco e um interessante espetáculo de interpretação da música para todos os tempos e gêneros.

Uma obra que reagrupa sensações num liquidificador de sons, dispensando todos os anos e as alturas que travam toda vez que temos que fazer arte sob encomenda. Uma delícia de disco para ouvir e sentir boas memórias que podem nos ajudar a dançar com reggae, soul, rock progressivo e outras coisas. Um novo tempo chamado apenas de: pessoas. Não acho que seja algo feito unicamente para crianças, nem para adultos, ou pais, etc. E foi aí que o quarteto me pegou: na possibilidade de criar grandes reflexões e aprendizados unindo as experiências entre as gerações.

Além do CD, o encarte físico do álbum é um espetáculo à parte. São 24 páginas de conteúdo interativo para ouvir, cantar e se divertir em diferentes lugares ou com diferentes pessoas, todos eles assinados pelo artista curitibano André Ducci.

Baixe e brinque sempre com boa música!

E se você estiver por Curitiba hoje ou amanhã, poderá assistir ao espetáculo do grupo ao vivo no Teatro Paiol fazendo o lançamento especial desse belo trabalho. Muito recomendado.
Basta clicar aqui para saber tudo sobre os shows! ,-P

Saiba mais:
Site do Siricutico (Baixe o disco lá também, Xuxu!)
Facebook do Siricutico
Youtube do Siricutico
SoundCloud do Siricutico

Siricutico – 2014
Capa-Siricutico-2014
1. Sou Música
2. Cama de Gato
3. A Incrível História de Nós Mesmos ou Chegança ou Uôu Uôu
4. Bala de Banana
5. Cavalinhos 1 (Tô começando a achar…)
6. Cavalinhos 2 (Achei)
7. Cavalinhos 3 (Pacatá)
8. Brincar de Brincadeira
9. Bagunça
10. Okina

http://www.amusicoteca.com.br/wp-content/plugins/downloads-manager/img/icons/default.png Download: Siricutico - Siricutico - 2014
Adicionado: 12/10/2014
Baixado: 1354 vezes
Aviso: Todas as obras disponibilizadas e distribuidas neste site são gratuitas e autorizadas por seus autores.

Telecoteco

Telecoteco

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.

O charme do novo erudito. A sofisticação que não falta mais.
Elegante e autêntico, o sexteto de jovens estudantes – na época – de música da Unicamp se reuniram em 2010 para elaboração de uma pesquisa sobre a obra de Noel Rosa e não se largaram mais. O mesmo material de pesquisa se transformou em espetáculo com mais de 30 apresentações pelo campus da universidade e também em São Paulo e Minas Gerais.

A união do grupo se deu pela integridade da qualidade e do gosto pela erudito popular que mescla a obra do seu primeiro trabalho autoral e que também aponta novos parceiros em algumas composições como Guto Leite, Lucas Bohn, Carlinhos Campos e Bárbara Malavoglia. O reino do Telecoteco é composto por Bruna Luchhesi (voz), Thomaz Souza (sax soprano) Victor Polo (guitarra), Diogo Nazareth (piano), Pedro Destro (baixo elétrico) e André Oliveira (bateria).

Tive a honra de conhecer os trabalhos da vocalista Bruna Luchhesi graças as conexões de amigos de bom gosto, neste caso, o Lineker, excelente cantor, bailarino, interprete, mineiro, e supure sensível que sempre me traz maravilhas, como me alertar para acompanhar as gravações e lançamento deste maravilhoso grupo. Desde então foram meses de boas surpresas a cada play neste álbum.

Um disco que acalanta a alma, relaxa o corpo e equilibra as energias… Um disco que viajou comigo por quase todo o Brasil neste ano. Entre as viagens teve a surpresa de encontra com a Bruna em eventos de amigos e ótimos lugares, uma confirmação de que estaríamos juntos para sempre por união da música, da arte e das pessoas que dela conseguem tirar vida, amor e energia para continuar todos os dias. Mudar, mudar, mudar… Era tudo o que eu precisava nesses últimos meses de peregrinação musical e o que mais me tocou foi esse álbum ironicamente chamado de É Hora de Trocar as Válvulas. Então, para começar um novo level na musicoteca, vamos dificultando e aprimorando os paladares auditivos. Vamos para além, vamos trocar as válvulas!!!

Saiba mais:
Site do Telecoteco (baixe o disco livre lá também, Xuxu!!!)
Facebook do Telecoteco
twitter da @BruLucchesi

É Hora de Trocar as Válvulas – 2014
hora-de-trocar-as-valvulas
1. Fantástico
2. Guiomar
3. Nó
4. A História de João
5. Cafezal
6. Três Apitos
7. Cordiais Suadações
8. Prece
9. Quando o Tempo For
10. Será
11. Lina
12. Vento e Tempestade

http://www.amusicoteca.com.br/wp-content/plugins/downloads-manager/img/icons/default.png Download: Telecoteco - É Hora de Trocar as Válvulas - 2014
Adicionado: 08/10/2014
Baixado: 1303 vezes
Aviso: Todas as obras disponibilizadas e distribuidas neste site são gratuitas e autorizadas por seus autores.

Paulinho Tó

Paulinho-To

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.

O teatro do cotidiano em letras e canções.
Natural de São João da Boa Vista, interior de São Paulo, Paulinho Tó trafega entre interior e Capital espalhando suas composições desde 2010. Não bastasse o seu talento para a construção responsável de músicas que nascem para a crítica e se fundamente na qualidade das tradições do samba, moda de viola, baião, e uma boa dose de tango, o rapaz é também importante articulador na cena autoral do estado de São Paulo. Além de sua primeira e relevante obra intitulada Temporal, o moço é o responsável pela concepção e produção do Festival Outras Noites de Música Brasileira em 2011.

Em seu primeiro álbum inteiramente autoral, Paulinho traz a atmosfera dos nossos passos pelo atual mundo dos amores e seus impactos em nossa social de fora para dentro, assim como as sonoridades que também nos chegam do popular para o íntimo. Particular e com um bom tino para inserção de humor e exageros em nossos conflitos espirituosos, Temporal é um bom momento para se percorrer dentro de nós sem a necessidade de sair de casa e enfrentar as adversidades reais que inspiram sua poesia e crítica ao consumismo desenfreado das emoções, tirando-as do consumo raso para a experiência profunda. O álbum conta ainda com participações e parcerias de Mariana Mayor, Chico Valle e Badi Assad nas produções orgânicas e evolução dos trabalhos.

Um disco para rever as trincas das portas e das janelas do coração que atualmente vem deixando entrar muita música, sem a real percepção de suas intenções poéticas e bases consultórias. Antes de compor, cantar e arranjar-se em um álbum, percebe-se a delicada preocupação do artista em se expressar através de nossa forte e relevante base popular musical. Uma inspiração dos climas dos clássicos Festivais da Canção Brasileira.

Uma expressão rica de atualidades sobre as luzes dos ritmos facilmente identificados que nos envolvem em pequenas e boas estórias sobre o novo.

Recomendado!

Saiba mais:
Site do Paulinho Tó (baixe o disco lá também)
Facebook do Paulinho Tó
Youtube do Paulinho Tó

Temporal – 2014
Paulinho-To-Temporal
1. Conversa boba
2. Catarina
3. Joguete
4. Samba do perdoa
5. Ao amigo André
6. Mariana
7. Temporal
8. Janaína
9. Conversa reserva
10. Sandália

http://www.amusicoteca.com.br/wp-content/plugins/downloads-manager/img/icons/default.png Download: Paulinho Tó - Temporal - 2014
Adicionado: 07/10/2014
Baixado: 1393 vezes
Aviso: Todas as obras disponibilizadas e distribuidas neste site são gratuitas e autorizadas por seus autores.